Abundância

Desapega, porque tem mais!!

Desapega, porque tem mais!!

 

Oiiii! Tudo bem com você?

Eu estou meio fanha por causa de um resfriado, mas vamos lá, canta comigo esse trechinho da música do Lulu Santos…prá levantar o astral!!!

 

Tudo que se vê não é
Igual ao que a gente viu a
um segundo
tudo muda o tempo todo no
mundo

Não adianta fugir
Nem mentir pra si mesmo
agora
Há tanta vida lá fora
Aqui dentro sempre
Como uma onda no mar…

 

Essa música não é nova mas traz uma verdade tão atual… “mudança”!

 

Mudança no mundo e mudança em nós mesmos!

 

Hoje acompanhamos em tempo real, as mudanças no mundo, vivemos a era da informação com acesso fácil, inclusive na ponta dos nossos dedos.

 

O que foi ontem, não é mais hoje e amanhã, talvez nem exista, ou, simplesmente se transforme.

 

Nesta era, a única certeza que temos é a mudança.

A velocidade que ela acontece nos surpreende e nos instiga à adaptações cada vez mais rápidas. E somos capazes disso, não importa a idade que tenhamos. Vejo, com muita frequência, de crianças a senhores, o manuseio correto de sofisticados smartphones e tablets, coisas que não imaginávamos ver há 20 anos ou menos. Tudo em busca da adaptação, da informação e da mudança.

 

Se somos capazes de acompanhar mudanças rápidas pelo mundo, por que temos dificuldades com nossas próprias mudanças? Por que não aplicamos, por exemplo, esse padrão de flexibilidade tecnológica nas nossas próprias vidas?

 

Sabe por quê?

 

Porque mudança na gente dói mais!

 

É difícil largar o velho e deixar que o novo se expanda em nós.

 

Mais fácil é mentir para nós mesmos que não precisamos mudar, que está bom do jeito que está, mesmo quando enxergamos possibilidades crescentes e desejos ardentes por uma vida com mais propósito.

 

Praticar o desapego é ponto para mudar. Desapegue-se de velhos hábitos, de velhas conversas, de velhos lugares, de velhas coisas, de velhas roupas.

Dê lugar ao NOVO! … novas ideias, novas amizades, novas sensações.

 

Desapega, porque tem muito mais por vir!

 

Basta desejar a mudança!!

 

Como uma onda no mar!

 

Grandiosa semana para você e um excelente início de mês!!

 

Beijuuuu!

 

Luciana Cairo

 

Cochicho1 – Mês de junho chegou com novidades para as mães! Preparei um ebook novinho, novinho, para mães que querem começar a empreender. E como sei que as vezes dá aquela dúvida sobre o que fazer, escrevi esse ebook que traz 28 ideias de negócios para se começar a trabalhar a partir de casa. Para acessá-lo gratuitamente, basta se inscrever lá no nosso site aqui! Ao se inscrever, além de ganhar o ebook, você entrará para uma lista + que VIP chamada Mãe$ de Valor onde publicarei periodicamente conteúdos sobre empreendedorismo. Se animou? Cadastre-se Lá! aqui! E se você não está nesta vibe mas conhece alguém que esteja, indique! Espalhe pelo mundo…

 

Cochicho2 – Na semana passada comentei que faria um curso sobre Coach executivo. E fiz! E para colocar meus conhecimentos em prática e compartilhá-los com você, vou lançar nas nossas redes sociais uma surpresa bem legal para você ter A Vida Que Você Quer…Fique ligado!

 


 

 

Realizarei 3 desejos seus!

Quando criança, as histórias do gênio da lâmpada me fascinavam!

Imaginava esfregar uma lâmpada e num passo de mágica ter ao meu dispor três pedidos. Ficava deitada na cama pensando o que pediria…aposto que você um dia já pensou isto também!

 

O tempo passou, nenhum gênio apareceu mas aprendi a fazer meus pedidos.

 

Pedidos devem ser bem pensados, precisam trazer detalhes, serem precisos, porque uma coisa eu tenho certeza, eles se tornam realidade!

 

Tenho vários exemplos na minha vida que contarei a você oportunamente.

 

Para agora, vamos exercitar seus pedidos.

 

Quais são os seus 3 desejos hoje?

 

Pois bem, acomode-se confortavelmente, escolha um dos desejos e concentre-se nele. Como ele é? Quais suas características? Quais suas qualidades? Tem algum defeito? Tem um lugar? Tem cor? Tem cheiro? Tem som? Você merece recebe-lo? Sinta cada parte do seu pedido…quanto mais você detalhá-lo, mais claro ele vai se tornar a você. Use seus sentimentos. O que você sente ao receber isso? Como é sensação de receber isso? Quem mais se beneficia com esse desejo? Como eles se sentem? Traga todo esse sentimento junto de você, junto do seu pedido.

Quando se pede algo, nos dirigimos a alguém ou alguma coisa. Busque suas crenças, em quem você acredita? No que você acredita?

Agora pegue seu pedido cheio de sentimentos e entregue para que que ele seja processado.

Eu costumo escrever meus pedidos. Enquanto os releio, busco os sentimentos que o complementam e agradeço.

Agradeço por aquilo que ainda não recebi, na fé que aquilo se concretizará para o meu bem.

 

 

Te convido a fazer a experiência! Seja detalhista, sinta, agradeça e receba!

 

 

Tenha um dia lindo!!!

 

Luciana Cairo

Ganhei na loteria!

De repente, você confere o bilhete e grita: “Ganhei na loteria!!”

Todos os seus problemas com dinheiro acabaram, não precisa trabalhar, não precisa pensar em contas, pode comprar tudo o que quiser, ir e vir a hora que desejar…

Ual!!! Sonho de muita gente!

E depois o que você faria?

 

Muitas vezes deixamos de fazer algo ou alguma coisa porque nos escondemos na dificuldade financeira. Pior, não afloramos nossos desejos e não nos permitimos sonhar.

 

Responda agora: Se dinheiro não fosse problema, o que você faria? Com o que gostaria de contribuir?

 

Se você conseguiu responder rapidamente, você tem uma paixão , um propósito de vida! Parabéns! Toca em frente!

 

Se você ficou na dúvida, você, como já aconteceu comigo, está arrumando desculpas para viver a vida que você quer.

 

Tire um tempo para você e comece a pensar sobre as coisas que ama.

Redescubra-se, renasça!

Organize-se de forma a deixar um legado e não uma herança!

 

Com amor,

 

Luciana Cairo

 

Dia de faxina

 

Hoje foi dia de faxina em casa! Cadeiras para o alto, coisas fora do lugar, baldes, vassouras, escovas, produtos de limpeza, tudo à mão para começar.

Chamei meus filhos, ajudantes fiéis, e limpamos até as paredes.

Suamos a camisa literalmente, fizemos caretas, sentamos no chão para descansar, demos umas enroladas, mas conseguimos dar conta das tarefas.

Ao final do dia exaustos, observamos o resultado e nos alegramos…por alguns instantes trouxemos a sensação de quando a casa era nova.

Assim acontece também conosco, precisamos reservar um dia, reservar apetrechos e chamar ajudantes para colocar nossa casa interna em ordem, fazer aquela faxina que desentulha, que limpa e renova.

Limpar-se requer disposição em mexer naqueles sentimentos que estão guardados há tempos, aqueles que é melhor não mexer porque causam uma dor danada.

Se causam dor, por que mexer então!

Porque ocupam espaço! O espaço da felicidade plena.

Quantas vezes você esteve com a vida toda em ordem mas parecia que alguma coisa estava errada? Quantas vezes você sorriu por fora mas por dentro uma agulha de cutucava e você não sabia o que era?

Esse “lixo” guardado em algum lugar do passado prejudica os avanços na sua vida.

Na maioria das vezes o produto de limpeza para esse lixo, chama-se perdão!

Perdoar não é esquecer, porque a mente não esquece de nada, ela guarda em algum cantinho inconsciente.

 

Qual foi a última vez que você pediu ou deu seu perdão?

 

Recentemente livrei-me de uns lixos guardados há pelo menos dez anos!! Achava que tinha feito essa faxina antes, mas toda vez que encontrava com uma certa pessoa, todas as sensações ruins do que vivemos  no passado afloravam e me fazia muito  mal. Pedi ajuda  e fui conduzida num lindo e libertador processo de perdão. Para minha surpresa, assim que encontrei essa pessoa novamente, os sentimentos ruins tinham desaparecido completamente. Senti liberdade e renovação!

Se não consegue fazer a faxina sozinho, peça ajuda de um amigo, de um terapeuta, de um padre, de um pastor, de um coach…de quem você quiser e se sentir confortável, não importa com quem ou como, importa que o perdão flua!

 

“Guardar ressentimentos é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra” W. Shakespeare

 

(((Gratidão!!!)))

 

Luciana Cairo