Fuja dos dias ruins!

Tenho um baita problema com a TPM!

Tudo que tenho de ruim escondido aqui dentro do peito, quer nesses dias, sair de uma só vez como um furacão!

Mas nem sempre o furacão quer se manifestar só nesses dias.

Mesmo escolhendo a vida que quero viver, tenho dias ruins, afinal, sou humana.

Seria muito bom termos uma máquina do tempo para pularmos situações e dias ruins, não? Ou quem sabe, um botão “delete” instalado ao lado do ouvido direito.

Como essas duas opções são impossíveis, vamos as que podemos colocar em prática.

 

  • Cuide da saúde – uma boa alimentação, uma caminhada ao ar livre e hidratação são um bom começo para mudar o seu dia. Experimente inserir em sua dieta água com limão é uma excelente pedida para equilibrar a acidez do seu organismo.

 

  • Cuide da alma – marque encontro com o divino. Independente de sua crença religiosa, reserve momentos que você possa rezar, meditar, respirar, orar…nos dias ruins, a coisa fica mais difícil, concordo, mas mantenha o ritmo. Se não há jeito de fazer isso em casa, por causa das crianças, o que acontece comigo muitas vezes, procure um lugar que te faça bem, um parque, um templo, uma igreja.

 

  • Cuide dos seus sonhos e da sua missão – dias ruins são sabotadores de sonhos, e sonhos são combustíveis para cumprir nossa missão. É comum que em dias ruins fiquemos desacreditados em nós mesmos, do que estamos fazendo neste mundo ou se somos importantes para alguém ou alguma coisa. Pensar em coisas boas, momentos em que esteve feliz com algo ou alguém, pensar em uma viagem que fez ou irá fazer, ajudará você a manter o foco, manter o equilíbrio mesmo em dias que o sorriso sai meio forçado. Tenha um caderninho e anote seus sonhos, cole fotografias ou figuras de coisas que você gosta e resgate esses momentos nos dias cinzas…faz um bem danado!

 

  • Cuide dos seus sentidos – cuide principalmente da sua audição, feche o ouvido para as reclamações a sua volta e abra-os para as histórias de sucesso, pode ser até a história do cachorro da vizinha que foi encontrado. Veja beleza nisso. Ouça música, obviamente, músicas alegres! Tente cantar junto!

 

Agora, se você fez várias dessas coisas e outras que eu nem pude escrever aqui, dê um grito bem forte! Isso mesmo grite! Para não assustar quem está por perto, grite no travesseiro ou dentro do carro!!! Dá uma aliviada que você nem imagina!

 

Have a nice day!

 

Luciana