Qualquer caminho (NÃO) serve!

Conhece aquela frase: para quem não sabe onde vai, qualquer caminho serve!

 

Olá! Espero que esteja bem, você e sua família!

 

Quando decidi que não queria mais minha carreira corporativa para ficar perto dos meus filhos me deparei com um novo desafio. Não o desafio da decisão de mudar de vida e de tudo que ela acarretaria, das coisas que precisaria ressignificar ou adaptar. Um desafio maior: eu precisava saber o que eu realmente queria.

 

É muito comum sabermos o que nós não queremos. No meu caso, não queria mais viajar por tanto tempo, não queria mais ser ausente no acompanhamento dos meus filhos, não queria mais trabalhar 12 horas por dia…uma lista imensa de coisas que eu não queria.

 

Mas o que eu queria de fato? Aí o bicho pegou! Passei tanto tempo vivendo no automático, vivendo a vida dos outros e pelos os outros, que quando precisei tomar a frente da minha própria vida novamente, não sabia o que queria.

 

Qual rumo minha vida tomaria? Qual caminho eu queria seguir? O tempo foi passando e para quem não sabe onde vai, qualquer caminho serve. Mas eu estava atenta a isso e soube pedir ajuda na hora certa. Para mim, qualquer caminho não servia!

 

Para resolver isso, usei minha bússola pessoal, todos nós temos a nossa. Sim! Você também tem a sua! Essa bússola é o conjunto dos nossos VALORES! Amor, sucesso, liberdade, intimidade, segurança, aventura, poder, paixão, conforto, saúde…são alguns exemplos.

 

Se quisermos uma realização profunda em nossas vidas só a alcançaremos decidindo o que mais desejamos, quais os nossos maiores valores, e em seguida nos comprometermos a viver cada dia à luz dessa decisão.

 

Os valores determinam o caminho para a felicidade!

 

Se há alguma coisa que você faça atualmente e que não esteja de acordo com o que você acha certo, contra seus valores, não há congruência entre seus valores e seus objetivos. No meu caso, valorizo muito a família, como poderia ausentar-me tanto dos seus cuidados?

 

Qualquer caminho não serve!

 

Beijokas!!!

 

L.

P.s. Uma dica para usar melhor a sua bússola é fazer uma lista dos valores importantes para você. Feito isso, atribua notas de 1 a 10 para melhor classificá-las e você encontrará os seus maiores e melhores valores.