gratidao

Pare de falar gratidão

Pare de falar Gratidão

 

Exato!

Isso mesmo!

Pare de falar gratidão!

 

Cada dia mais, vejo as pessoas, principalmente nas redes sociais, escrever gratidão para cá, gratidão para lá…

Para um por do sol – #gratidão

Para uma coxinha – #gratidão

Para um dia bem sucedido – #gratidão

Para um presente recebido – #gratidão

#gratidão

#gratidão

#gratidão por todo o lado

 

Algum problema?

Sim!

Se sua #gratidão for da boca para fora!

 

A maioria das pessoas na rede mostra uma vida que não é real, uma vida perfeita e usam de palavras e poses para estar na vibe positiva…uma pena!

 

Uma vez presenciei uma pessoa tirando um self sorridente e logo em seguida brigar com seu marido enfurecidamente, pareciam duas pessoas em uma. Aposto que você também já presenciou algo do tipo…

 

São para essas pessoas que digo, pare de falar Gratidão!

Ao contrário, esforce-se para viver a Gratidão!

 

Quando você passar a viver a gratidão, suas postagens nas redes serão reais, serão muito verdadeiras, porque quem pratica gratidão, sente gratidão em todas as situações da vida até mesmo nas dificuldades.

 

Quem vive a gratidão sabe que em qualquer situação, boa ou ruim, há algo a se aprender, algo a ser renovado, transformado, algo que se pode ver com outros olhos…e que nos tornará humanos melhores.

 

Que seu sorriso de self seja cada vez mais lindo, de dentro para fora, vivido intensamente!

 

Pare de falar gratidão, Viva a Gratidão!

 

Com amor,

 

Luciana Cairo

Pessoas gratas não são tontas

Olá!!! Tudo bem?

 

Pode parecer que pessoas gratas são sempre tranquilas, de boas, felizes e que aceitam a realidade como ela é e não fazem nada para mudar.

Pode parecer que pessoas gratas aceitam desaforos, se acostumam a serem mal tratadas ou demonstram apatia aos acontecimentos do mundo.

Pode até parecer que pessoas gratas são moleironas e por vezes, tontas.

Pode até parecer…

 

Mas não são!

 

Pessoas gratas, olham sim, a vida de outro ângulo. Possuem o óculos da positividade, reclamam menos, porque no lugar da reclamação tem a gratidão. Mas não é por conta disso, que são passivos ao que não é bom, ao que incomoda ou prejudica.

 

A gratidão traz ao praticante, resiliência. Resiliência traz equilíbrio. Equilíbrio traz novas formas de comunicação para que a pessoa se expresse sobre as coisas ruins da vida, colocando seu ponto de vista, traçando novos caminhos e ajudando ao outro a enxergar novas oportunidades.

 

Ser grato não é ser passivo, ao contrário, é desejar e criar uma nova vida, um estilo de vida abundante.

 

Ser grato é ser guerreiro. Um guerreiro que luta com arma simples contra aquilo que deve e precisa ser mudado.

 

A arma é o sentimento. Sentimento de gratidão. Disponível a todos, desde que a pratiquem!

Use sua arma da gratidão e mude seu mundo!

 

Um excelente dia para você, guerreiro da gratidão!!

 

Abraços,

Luciana Cairo

LifeCoach

Sobre Gratidão e Flor

Oie!!

Hoje quero falar para você sobre gratidão e flor…o que há em comum?

Muito difícil você passar indiferente pela beleza de uma flor quando presta atenção nela.

Nessa época do ano, os ipês roxos da minha cidade parecem gigantes buquês de beleza.

 

Você já parou para pensar que um dos propósitos primordiais da flor é embelezar?

 

Ela foi criada para dar cor, textura, odor e beleza às pessoas ao seu redor.

Ela está ali para todos mas nem todos estão para ela…muitos não a percebem apesar de sua beleza contagiante ou simplesmente não conseguem enxergar além.

 

Quando você planta uma flor, não pensa no quanto ela vai fazer bem ao mundo com sua beleza. Pensa que vai ser bonito para você, para seu quintal, para sua vida…e sem que você perceba, a beleza dela faz bem para sua família, para seus vizinhos, para sua visita, para seu bairro…contagia.

 

Da mesma forma aos sermos gratos não estamos plantando algo bom apenas em nossa vida, mas também às pessoas que estão ao nosso redor.

Pessoas gratas são mais equilibradas, são mais felizes, conseguem ver o lado positivo das coisas…e assim, vivem melhor!

 

Pratique gratidão como se planta flores. Pensando no bem imediato mas também no bem comum!

Gratidão por ler.

Gratidão por estar aí.

Gratidão por estarmos aqui, de alguma forma, conectados.

 

Luciana Cairo
LifeCoach

Meu dia dos namorados – parte 2

Então…continuando…(se você não leu a primeira parte, pode clicar aqui!)

 

Fui medicada, não morri…voltei para casa…no dia dos namorados…

 

Em casa, além da preocupação com o pescoço, começamos a cuidar da pressão, afinal sou filha de dois hipertensos e a probabilidade é grande de em algum momento da vida eu ser também.

 

Pegamos um aparelho que tínhamos da época das gravidezes e medimos minha pressão que estava ok!

Para ter certeza, meu marido mediu a dele que não estava ok!

 

Ficamos com muitas dúvidas até constatarmos que o hipertenso da vez era ele e não eu.

 

Por que eu te conto tudo isso?

 

Porque em meus ebooks e textos oriento as pessoas a sentirem gratidão até nos momentos mais difíceis. Não é fácil, admito. Mas tem sua razão.

O que aconteceu comigo foi um exemplo concreto. Se eu não tivesse me adoentado, não saberia que meu marido precisava de cuidados.

 

Essa foi uma das razões para que eu me sentisse grata pela doença.

 

Ver os acontecimentos da vida com outros olhos. Acentuar o positivo!

 

Desejo que você treine a gratidão nos momentos difíceis de sua vida!

 

Acentue o positivo!

 

Luciana

(no meu novo ebook, tenho uma semana inteirinha dedicada a gratidão para momentos difíceis…em breve!)