mães

Como você mede seu sucesso?

Olá!!!

Aqui no espaço Mães de Valor iremos publicar textos e conteúdos de parceiras e co-criadoras do Projeto.

Hoje a Sibely escreveu sobre sucesso. O que é sucesso para você, mãe?  Vale muito a pena a leitura!!

Luciana Cairo

============

 

Como definir o Sucesso? O que é Sucesso para você? Vivemos em uma sociedade que mede o sucesso pelo dinheiro e poder que uma pessoa conquista ao longo de sua vida. Essa mentalidade tem acarretado sérios problemas a quem segue. Nas sessões de Coaching com Mulheres, percebo em suas falas uma sobrecarga muito grande sobre elas em corresponder com excelência seu papel de mãe, esposa perfeita e profissional de sucesso. Nesses casos eu costumo perguntar: Como você define o Sucesso? Que parâmetros você utiliza para dizer: “Eu sou uma mulher de sucesso!” Você tem a sua régua de Sucesso? Ou utiliza a régua estabelecida pela sociedade. Para viver a nossa vida com qualidade e alinhada com nossos valores e crenças, precisamos da Nossa Medida de Sucesso, com indicadores que vão além de dinheiro e poder. Está na hora de mudar a maneira como pensamos o sucesso, e essa mudança é especialmente positiva para nós mulheres, pois pesquisas mostram que o preço deste sucesso medido apenas pelo dinheiro e poder é mais alto para elas do que para eles. Mulheres com empregos estressantes correm um risco quase 40% maior de desenvolver doenças cardíacas e 60% maior de desenvolver diabetes. Nossa geração é campeã em níveis de estresse e uso de medicamentos psicotrópicos, nossa cultura de trabalho é movida a estresse, privação de sono e esgotamento. O estresse e a fadiga causam problemas terríveis à saúde, enquanto que a
privação de sono afeta profundamente a criatividade, a produtividade e a capacidade de tomar decisões. Segundo um estudo de um Instituto de Pesquisa Americano, a privação de sono reduz a inteligência emocional, a autoestima, a assertividade, a sensação de independência, a empatia, a qualidade de relacionamentos interpessoais, o pensamento positivo e o controle dos impulsos. A Medida do Sucesso que quero trazer a discussão consiste em quatro pilares: Bem-estar, Sabedoria, Admiração e Doação.

1. Bem-Estar

Primeiro vamos falar do Bem-estar. Se o sucesso não for reformulado nossa saúde pagará um preço cada vez mais alto, podemos medir esse indicador pelas nossas conversas, geralmente elas giram em torno do excesso de estresse, excesso de trabalho, lapsos de memória, esgotamento físico e insônia.

Quando incluímos o Bem-estar na definição de sucesso, além da saúde nosso relacionamento com o tempo também muda. Já percebeu que nunca temos horas o bastante para tudo o que queremos ou precisamos fazer? Cada vez que consultamos o relógio, temos a impressão de que é mais tarde do que pensávamos. É preciso abrir espaço na sua agenda para atividades que tragam mais prazer e descontração e alinhar suas tarefas com seus valores e crenças.

2. Admiração

Quando vivemos uma eterna “fome de tempo”, perdemos a capacidade de experimentar outro elemento-chave da Medida do Sucesso: a Admiração, a percepção de pequenos prazeres, a beleza de ver e viver o dia de hoje. Um das coisas que mais me incomodava no meu último emprego, era o fato de não conseguir ver o pôr do sol, trabalhava de costas para a janela e saia as 20:00, me dava a sensação de ter perdido a beleza do dia.  Admirar o belo, as pequenas coisas, os detalhes te traz um sentimento de gratidão e de satisfação porque você sente que viveu aquele dia, não foi mais um dia que passou e nem percebeu.

3. Sabedoria

Já falei de Bem-estar e Admiração. Ambos, fundamentais na criação da Sua Medida de Sucesso. Além deles há outro elemento indispensável na redefinição do sucesso: a Sabedoria. Hoje em dia vemos pessoas muito inteligentes tomando decisões terríveis. O que lhe falta não é QI, mas sabedoria. Nunca foi tão difícil explorar a sabedoria interior, porque para isso precisamos nos desligar de nossos dispositivos onipresentes, nossas engenhocas digitais, celulares, tablets, redes sociais – e nos reconectar com nossa essência. Há uma centro de sabedoria dentro de nós, nele a vida se transforma de luta em graça e subitamente ganhamos confiança, apesar de obstáculos, desafios ou decepções. No entanto para alcançarmos o ponto deste centro é necessário pararmos, respirarmos, freiarmos nossos pensamentos e nos conectarmos com nossa fé, nossas crenças. O exercício da espiritualidade nos faz lembrar que somos muito mais que nossos olhos podem ver e que nossa vida é uma passagem que precisa ser vivida com plenitude e significado. O esgotamento, estresse, ansiedade, impede de enxergarmos com clareza nossas prioridades, aquilo que acreditamos ser realmente importante e as oportunidades passam…. Bem-estar, Admiração e Sabedoria.

4. Doação

O último elemento da Medida do Sucesso é a Doação, a capacidade de dar aos outros, motivada por empatia e compaixão. Diversos estudos científicos mostram que a empatia e o serviço ao próximo aumentam o Bem-estar. Não há significado no conhecimento se não for compartilhado, doado. A contribuição social amplia nosso entendimento para muitas situações na vida, nos tornamos menos egoístas, nossos problemas passam a ter outra dimensão quando começamos a olhar para fora, para aquilo que está além de nossa casa.

Utilizando-se desses elementos sua vida começará a girar dentro de um círculo virtuoso. Quando você usa desses parâmetros para medir seu sucesso, sua vida ganha significado, seu dia torna-se produtivo e suas escolhas mais assertivas. As pessoas ao seu redor são contagiadas pela sua presença, pela sua integralidade. Seus papéis são melhor exercidos, sua energia é dispensada em coisas que realmente importam e o sentimento de satisfação com a vida é elevado.

Desejo a você Sucesso Na Medida : )

Sibely Mello

Life & Wellness Coach

http://sibelymello.com.br/

=============

Receba nosso ebook – “28 Ideias Par Mães trabalharem a partir de Casa” 

Mães de Valor

11692983_1022093931135071_1431092689_nMães de Valor

 

Mães de Valor é um projeto que está sendo co-criado por mais de 20 mulheres que desejam compartilhar suas experiências em viver suas múltiplas tarefas de forma equilibrada.

 

O projeto compartilhará valores, histórias e sonhos para que, mulheres e mães, conectadas, possam apoiar umas as outras no dia a dia, no autoconhecimento, empreendedorismo e missão!

 

Não é verdade que nós mães, as vezes nos sentimos cansadas, sem estímulo e sem direção? Queremos cuidar de nossa família, queremos deixar a casa e as atividades em ordem, queremos ser reconhecidas, queremos ter nossa própria renda,…queremos realizar nossos sonhos e não sabemos por onde começar ou em quem nos apoiar.

 

Nesta grande rede de mães que se forma por todo o Brasil, teremos o necessário para conquistarmos uma vida em plenitude.

Mães de Valor terá espaço para textos, vídeos, conteúdos e encontros exclusivos a fim de apoiar as mães em suas mais diversas necessidades.

 

E mais! Você, mãe, poderá colaborar conosco, expor suas necessidades e contar sua experiência para que sirva de exemplo e motivação para outras mães mundo afora!

 

O que está esperando?

 

Venha fazer parte da rede “Mães de Valor”!

setas-para-baixo

Clique Aqui para FAZER PARTE e receba grátis o ebook

“28 Ideias Inspiradoras para Mães trabalharem a partir de casa”

Tenho estrias!

Tenho estrias, celulites, rugas no rosto, olheiras hereditárias e gordura localizada, principalmente na barriga!!

 

Óóóóó!!! Que horror!

 

Pensava isso, falava isso, gritava isso – todas as vezes que me olhava no espelho embora, de alguma forma, cuido da minha alimentação, faço caminhadas e uso uns creminhos (se é que eles ajudam em alguma coisa!)

 

O fato é que com o amadurecimento do corpo, veio, também, (Tks, God!) o amadurecimento da alma.

 

Ontem, dia das mães, observando os movimentos de comemoração e pensando em minha própria maternagem, vi minhas marcas, as estrias, as rugas…(não precisa repetir tudo, neh?) como sinais de graça.

 

As estrias, as celulites e barriguinha, frutos do engordar e emagrecer nas gestações!

As rugas, de tanto sorrir! E por aí vai…

 

Não sou apegadas a essas marcas não…pelo contrário, como disse, procuro melhorá-las, mas ter consciência de que elas são sinais de um amor incondicional, de uma doação total, tornam-nas lindas e significativas.

 

Se você, leitor ou leitora, é cristã deve ter ouvido em algum momento de sua vida…”prova de amor maior não há, que doar a vida pelo irmão”, quem dirá, doar seu corpo, seu tempo, seu trabalho… para um filho!

 

Mãe é assim!

 

Doação é um sinônimo significativo para Mãe, que não mede esforços, não vê obstáculos, não se nega a fazer, que ultrapassa seus próprios limites para ver a felicidade do seu filho.

 

À você mãe que aqui está, à você mãe, cujos filhos já não estão e à você mulher que deseja muito se tornar mãe, desejo não só um dia, uma semana ou um ano, mas uma eternidade de amor, realizações e, Sim! Desejo que você possa viver A Vida Que Você Quer, sem medos, sem restrições, sem limites!

 

Feliz Dia das Mães Sempre!!

 

Com amor,

 

Luciana

 

Ps. E claro, um linda lembrança às mães que já se foram com suas estrias, suas celulites, suas rugas, marcas de uma missão mais que cumprida!

 

Ps2. Aos filhos que não puderam abraçar suas mães, seja lá por qual motivo, deixo o meu abraço, não para substituir, mas para apenas, consolar!

Mães e trabalho – qual é o ponto de equilíbrio?

Essa é uma questão bem atual, mães e trabalho, qual é o ponto de equilíbrio?

A resposta é simples – cada mãe encontra o seu.

O problema é o “como” encontrar esse equilíbrio.

Prevejo indagações do tipo:

“mas eu sou o sustento da casa”

“eu tenho a minha carreira”

“meu dinheiro contribui com as despesas”

“eu gosto do que faço”

“mulher em casa para cuidar dos filhos? Isso é machismo! Não nasci para isso!”

E por ai vai…

 

Temos uma série de “mas” que prejudicam nossa habilidade de enxergar outras possibilidades.

 

Tenho recebido muitos e-mails de mães que assim como eu perceberam que o tempo dos filhos também passa, ou melhor, corre e quando nos damos conta, os filhos estão grandes e independentes.

 

Encontrar o ponto de equilíbrio entre as atividades profissionais e a criação dos filhos é tarefa essencial para se ter uma vida familiar saudável.

 

O trabalho é importante para a mulher, a criação dos filhos é vital e única!

 

No começo do texto citei o “como” encontrar o equilíbrio e te digo que antes de mais nada, você deve pontuar o que realmente é importante na sua vida, aquilo para que você veio a este mundo, aquilo que seu coração mais pulsa, aquilo que é o propósito da sua vida.

 

Sabendo disso o “como” aparece. Surgem ideias para empreender, surgem negociações de horário com sua empresa, surge o home office, surgem redes de apoio…surgem, surgem… surgem… e você, mãe, saberá que decisão tomar.

 

Quando percebi que meu lugar era trabalhando perto dos meus filhos e no meu caso são três, a presença de um mentor me ajudou a descobrir o “meu como”.

Encontrar alguém que te ajude nesse processo, alguém que já tenha vivido algo semelhante faz toda a diferença.

 

Mantenha o foco, pense sim, no seu trabalho, nos seus filhos, mas não deixe que um substitua o lugar do outro. Eu te digo, por experiência própria, que dá para fazer as duas coisas!

 

Abraços,

 

Luciana Cairo